Andar sobre a água???

Pode até parecer loucura. Eu também custei a acreditar, mas ao acessar o post do blog do Cardoso tive que me render. Porém temos que esclarecer que isto foi possível graças ao fluí­do não-newtoniano e também, é claro, à muita maizena diluída em Água com uma betoneira. Esta vale a pena ver. Muito legal.